A energia criadora do universo foi desencadeada pela palavra. O poder divino manifestou-se pela palavra.
A palavra divina é una com Deus. Deus é a sua palavra. O ser humano também é a sua palavra.
O poder criador de uma pessoa é exercido pela sua palavra. A palavra contém a energia, a substância e a forma.
Tire o dom da palavra ao ser humano e nada acontecerá na sua vida.



A PALAVRA COMANDA O PODER

A palavra nasce da mente, que é a manifestação do espírito, que é a expressão divina, que é a expansão de Deus.
A palavra humana, pois, tem poder criador, porque toca o divino.
Deus, ou o poder de Deus, manifesta-se no homem pela palavra. Pela palavra você faz todas as coisas; e nada do que você faz pode ser feito sem a palavra.
Os grandes exércitos, nas guerras, movimentaram-se pela palavra de comando; Nova lorque,Rio de Janeiro, Paris e todas as cidades aconteceram pela palavra; qualquer coisa que você tenha na sua casa é resultado da palavra de alguém.
Quer você saiba quer não, porque a sua palavra cria a realidade, ela age sempre, uma vez que necessariamente toca o Poder.
Foi a palavra interior do homem que accionou o botão do foguete espacial, que, por sua vez, explodiu a sua força e esta conduziu-o à lua.
A palavra não é a força, mas acciona a força. Como vem sempre fundida na força que produz o resultado da palavra, no fundo, tanto faz supor uma como outra coisa.
O exercício divino do homem só pode ser efetuado pela palavra.

SÓ A PALAVRA VERDADEIRA SE REALIZA

O grande Mestre sempre ligou o poder do ser humano à palavra do próprio ser humano.
 Ele ensinou certa vez: «Pedi e dar-se-vos-á... porque todo aquele que pede recebe.» (Mt. 7, 7-8).
Pedir é uma maneira de usar a palavra. Pedido é palavra.
A palavra expressada em forma de pedido acciona o poder divino imanente no indivíduo.
O resultado é infalível: «Dar-se-vos-á.»
Segundo Jesus, não pode haver verdadeiro pedido sem acontecer a resposta correspondente.
A palavra é o poder criador, que contém o poder materializador. Lembrando aquela passagem do Mestre:
«Se alguém disser a este monte: sai daqui e lança-te ao mar, e se não duvidar em seu coração, mas crer firmemente na realização da sua palavra – há-de acontecer assim mesmo.» (Mc. 11, 23).
«Se alguém disser» – aí está a palavra que detona o poder materializador.
Numa outra ocasião, afirmou ele: «Até agora nada pedistes; pedi e recebereis para que a vossa alegria seja completa.» (Jo. 16, 24).
Novamente, o recebimento é fruto da palavra. Em Mateus, Jesus reafirma a mesma verdade:
«Tudo o que pedirdes com fé, na oração, alcançá-lo-eis.» (21,22).