MEDITANDO DO LIVRO DE OURO DE SAINT GERMAIN

Vamos dar um passo avante. 

Em todas as épocas tem havido associações dentro de atividades comerciais,onde se acha um ou possivelmente dois interessados com o intuito deliberado de fazer o mal e, por meio dessa associação, alguns indivíduos absolutamente inocentes foram acusados e feitos prisioneiros. 
Declaro-vos agora, como Lei Infalível que não pode ser alterada, que o indivíduo ou indivíduos causadores do encarceramento de pessoas inocentes, privando-as assim de sua liberdade de ação, atrairão aquela mesma experiência, que desejaram fosse destinada a outrem, para dentro de suas próprias vidas - até mesmo à terceira ou quarta encarnação seguinte.

Quanto a mim, preferiria mil vezes morrer a servir de instrumento para privar de sua liberdade qualquer um dos filhos de Deus. 
Não há maior crime reinante na experiência humana hoje em dia, do que o uso em voga da prova circunstancial, porque em noventa e nove por cento dos casos se verifica posteriormente ser ela
inteiramente falsa. Algumas vezes a verdade nunca é conhecida pela percepção exterior.

Por isso, amados discípulos, nenhum daqueles que procuram a Luz se constitua em juiz de outro filho de Deus.

Suponhamos, agora, que alguém que amemos muito pareça estar tomando caminho completamente errado.

Que faria o mundo em primeiro lugar? Por via de regra, pôr-se-ia a julgar e a criticar. O auxílio mais eficaz que pode e deverá ser dado a uma tal pessoa por todos aqueles que estejam a par das circunstâncias é derramar todo o seu amor e silenciosamente dizer: 
'"EU SOU' Deus em Ação, a única Inteligência e Atividade que controla este irmão ou irmã". Continuar a falar silenciosamente à consciência desse ser é a maior ajuda possível que se lhe pode dar.

Muitas vezes o fato de advertir-se verbalmente um indivíduo cria um estado de antagonismo, intensificando,em vez de extinguir, a atividade que o trabalho em silêncio, com absoluta certeza, realizaria.
Ninguém, na consciência externa, tem possibilidade de saber o que  "Presença de Deus 'EU SOU' " no outro indivíduo pretende fazer. Essas são verdades vitais que, se fossem sustentadas, trariam uma grande paz à existência de todos.

Muitas vidas, apesar de seus esforços nos negócios, se arruinaram porque, na consciência dos indivíduos envolvidos, há julgamento, censura ou um sentimento de ódio dissimulado em relação aos outros.
O discípulo ou qualquer indivíduo que pretenda progredir rapidamente na Luz, não deverá jamais adormecer  sem ter conscientemente emitido amor a toda pessoa que sinta tê-lo prejudicado em qualquer época. Este pensamento de amor partirá, direto como uma flecha, para a consciência do outro indivíduo porque não pode ser detido, lá gerando sua qualidade e poder, que voltarão a vós tão seguramente como irradiastes.

Não há talvez um único elemento tão responsável por tantas condições doentias, do corpo e da mente, como o sentimento de ódio emitido contra um outro indivíduo. Não se pode descrever como esse sentimento reage contra a mente e o corpo de quem o emite. Em uns, produzirá um certo efeito, em outros, um efeito ainda diverso. Que seja compreendido aqui que o ressentimento é uma das formas de ódio, porém em grau menor.

Um pensamento belíssimo para nele se viver é: "EU SOU o Pensamento e Sentimento criadores perfeitos, presentes em todas as mentes e corações de todos e em todos os lugares". É maravilhoso. Não só traz sossego

e paz como também libera benefícios ilimitados da "Presença EU SOU".

Outro pensamento é: 
"EU SOU a Poderosa Lei da Divina Justiça e Proteção atuando nas mentes e corações de todos". Podeis aplicar e usar isso com enorme força e poder em todas as circunstâncias". 

Ainda outro: "EU SOU o Amor Divino, preenchendo as mentes e os corações dos indivíduos em todos os lugares".

Tudo na vida prática da humanidade pode ser governada pela "Presença EU SOU". O uso da "Presença EU SOU" é a mais Elevada Atividade que pode ser transmitida. Quando dizeis "EU SOU", pondes Deus em Ação; há porém, uma avaliação maior para essa expressão, que compreendereis quando sentirdes e conhecerdes a grandeza desta afirmação "EU SOU o Poder de Deus Todo-Poderoso". Não há outro poder  capaz de agir. Quando dizeis e sentis isso, então libertais e desprendeis a Plena Atividade de Deus.

Outra afirmação: "EU SOU a memória consciente, o uso e a compreensão no emprego dessas coisas". Quando dizeis: "A Presença EU SOU me veste com o meu eterno, transcendente traje de Luz", isso realmente se verifica no mesmo instante.

"A morada secreta do Altíssimo" é esta "Presença EU SOU". As coisas sagradas que vos são reveladas não devem ser esquecidas porque são como pérolas. Sabei sempre: "EU SOU o equilíbrio perfeito de linguagem e de ação em todas as ocasiões, porque EU SOU a Presença Protetora". Então, a guarda protetora estará sempre

alerta.
Para controlar um animal deveis empregar a afirmação: "EU estou aqui, EU estou lá, ordena silêncio"; ou podeis olhar em seus olhos e ordenar que o Amor de Deus o controle.

A Energia de Deus está sempre esperando para ser dirigida. Inerente à expressão "EU SOU", está contida a atividade auto- sustentadora. Por isso, sabeis que o tempo não existe. Isso vos leva à ação instantânea, e vossa precipitação cedo terá lugar. Sempre antes de uma manifestação, sentireis aquela calma absoluta.

Afirmações transcendentes para quem estiver envolvido em processo judicial:

"EU SOU a Lei".

"EU SOU a Justiça"

"EU SOU o Juiz"

"EU SOU o Júri".

Sabendo que "EU SOU é Todo-Poderoso", afirmai que unicamente a Justiça Divina pode se manifestar sobre a questão.

Do livro de Ouro de Saint Germain

Postar um comentário

0 Comentários