2º DIA - LIBERTAÇÃO DOS COMPLEXOS - LAURO TREVISAN

Neste dia desamarro, de mim todos os complexos, porque eles são a minha prisão.
Não me deixam ser eu mesmo.
Os complexos são a máscara que tapa a verdadeira fisionomia divina que existe em mim.
Desde ontem, a água divina lavou a minha mente consciente e subconsciente.
Agora deixo que o jorro divino lave todos os meus complexos...
Sinto-me desde já, livre, forte, alegre, agradável, simpático, atraente, benquisto, inteligente, bem sucedido, elegante, comunicativo, calmo.
Minha voz é bonita e agradável.
Olho-me no espelho e digo para mim mesmo: Como eu gosto desta criatura maravilhosa que sou eu!!! Gosto do meu rosto, gosto do meu corpo, gosto da minha voz.
Meus olhos são límpidos. serenos e iluminados.
Meu passado negativo não existe mais.
Hoje é mais um lindo dia de libertação interior e exterior.
Porque eu gosto de mim, todos gostam de mim.
Eu sou o universo. O que eu sou, o universo é.
Se eu me considero agradável, o universo me considera agradável, porque o universo pensa o que eu penso.
Agora eu me liberto. Minha mente está límpida como a fonte cristalina das montanhas.
Minha mente subconsciente está clara como o sol da manhã.
Ah, que dia lindo este!
Caminho cheio de paz, e engrandecido, pelos caminhos alegres desta jornada espiritual.
Límpido como a fonte das montanhas.
Como a fonte transparente das montanhas....


O PODER INTERIOR
LAURO TREVISAN



Postar um comentário

0 Comentários