FALANDO SOBRE PROSPERIDADE


Ele é caracterizado por ter uma cabeça de elefante e corpo de gente e também popularmente conhecido como Senhor dos obstáculos.

Um dos fundamentos da prosperidade é a Consciência da Prosperidade. A consciência de ser próspero. Intrinsecamente próspero.

 Isto quer dizer que se é próspero apenas por se ter a consciência que tem.
É claro que todos têm consciência. Não é disto que estou falando.

O que estou explicando é a pessoa saber que ela É próspera. É um estado de ser. Um estado de consciência. É a essência da pessoa.

Tanto como seu jeito de caminhar ou a impressão digital de seus dedos. A pessoa é. Emana prosperidade. E por isso a prosperidade vem em fluxo contínuo e crescente. Quanto mais vem mais a pessoa emana e isso se reforça continuamente.



Isso se traduz nos pensamentos e sentimentos da pessoa. Nunca há emissão de carência. Do tipo: Não posso comprar essa roupa porque não tenho dinheiro. Não posso comer nesse restaurante porque sou pobre. Não posso comprar esse carro porque é carro de rico. Não posso comprar esse livro porque é caro. Tenho de viajar na classe econômica porque só os milionários viajam na Primeira Classe.
Esses pensamentos de carência, pobreza, limitação, desvalia, desmerecimento, atraem mais situações exatamente iguais.
Isso significa que é próspero quem pensa que merece aquilo. Sem culpa, sem desculpas, sem justificar, etc. Naturalmente próspero. Sem necessidade de esnobar, de aparecer, de aparentar. Simplesmente se é. Nem se preocupa com os que não têm, nem com os que tem. Ajuda a todos indistintamente a serem prósperos. Mas, não humilha quem não tem, nem se humilha perante os que têm mais.
Quem é próspero está satisfeito consigo mesmo. É aquela pessoa que sente que se basta.
Isso permite que essa pessoa seja um motivador, um facilitador de prosperidade para os demais.
Portanto, se há carência de alguma coisa em sua vida, existe um sério problema na sua vida. Tem alguma coisa muito errada. A sua essência divina não pode ter carência de forma alguma. Isso seria uma aberração. Isso mostraria um problema de consciência de prosperidade.
Vamos esclarecer outra coisa. Tão perigosa quanto emanar carência, como descrito acima. É a ilusão da prosperidade. Aquela coisa de um pensamento positivo falso. Um pensamento que não tem substância. Não é real. Não tem um sentimento correspondente. A pessoa fala que é próspera, mas lá no fundo sabe que não é. É o que os psicólogos chamam de sentimento de fundo. O que é a base da personalidade da pessoa. Ela finge que é próspera, mas os fatos mostram que não é. É a pessoa que faz dívidas achando que entrará o dinheiro para pagar. Tem esperança de que entre. Tipo: no mês que vem as vendas aumentam. Tenho de ganhar mais. Acho que serei aumentado. Esse tipo de esperança é pura auto-sabotagem. É uma falsidade. E os fatos mostrarão isso. Não entrará o dinheiro, nem a venda e a dívida aumentará. É o que se fala popularmente: não conte com o ovo na galinha!
Só pode contar com o ovo na galinha aquela pessoa que cria galinhas. Do verbo Criar, de Criador. Não de quem tem uma granja!

Prof. Hélio Couto